1º Encontro Empresarial de Negócios ABIMAQ

A ABTT esteve presente no 1º Encontro Empresarial de Negócios da ABIMAQ

A ABIMAQ Associação Brasileira da Industria de Máquinas e Equipamentos, realizou em sua sede na capital de SP, o seu 1º Encontro Empresarial de Negócios que foi reunida três Câmaras Setoriais desta entidade sendo Plástico, Gráfico e Textil.

A ABTT foi convidada a participar deste encontro e o seu Presidente Nelson Pereira Junior, apresentou o trabalho que a ABTT faz junto aos profissionais e a importância destes profissionais com os fabricantes de máquinas e equipamentos.

Aproveitou e convidou a todos para participarem do 28º CNTT que irá ser realizado nos dias 09 a 12 de setembro de 2019 na FATEC de AMERICANA.

Este convite para participação a este encontro faz parte da parceria da ABTT junto a CSMAT (Câmara Setorial de Máquinas e Acessórios para Industria Textil).

Um Pouco da História da CSMAT

 

A Indústria Brasileira de Máquinas e Acessórios Têxteis 

 

A fabricação de máquinas e acessórios têxteis foi uma das primeiras atividades da indústria metalmecânica a se implantar no Brasil. As primeiras iniciativas desse setor datam do início do século XX, surgidas para dar suporte à florescente indústria têxtil que se havia desenvolvido no País a partir, principalmente, dos primeiros anos da primeira República. 

 

Um evento de grande significado histórico que comprova o pioneirismo desse segmento da indústria mecânica em nosso país foi a fundação, em 1937, do então Syndicato dos Fabricantes de Machinas Textís que seria transformado, alguns anos mais tarde, no Sindicato da Indústria de Máquinas do Estado de São Paulo e, posteriormente, no atual Sindicato Nacional da Indústria de Máquinas. 

 

Todavia, o primeiro grande surto de desenvolvimento desse setor ocorreu durante a II Guerra Mundial, estimulado pela demanda da indústria têxtil quando os principais fabricantes mundiais estavam mobilizados para as atividades bélicas. 

 

O segundo surto teve lugar no final da década de 50, com o famoso "Plano Metas" do governo Juscelino Kubitschek, com a chegada de alguns dos mais destacados e renomados fabricantes mundiais. Nas décadas de 60 e 70, quando a indústria têxtil brasileira atravessou o seu período de maior desenvolvimento em modernização, a indústria nacional chegou a atender perto de 80% da demanda interna de máquinas e acessórios. 

 

Diante dos impactos da abertura da economia e da avassaladora onda de globalização, aliados à crise de investimentos que atingiu a indústria têxtil brasileira, a produção interna de máquinas e acessórios passa por um processo de reestruturação, preparando-se para uma reativação, mas dentro das novas regras de um mercado aberto e competitivo. fonte ABIMAQ

 

ABTT

02/11/2019
Dia especial para a ABTT
01/11/2019
Saiba mais o que aconteceu no primeiro dia do 28º CNTT da ABTT
01/11/2019
DESCONTO PARA PARTICIPAÇÃO DO WORKSHOP REPRESENTAÇÃO TÉCNICA DE MODA
28/10/2019
57º aniversário de fundação da ABTT
® abtt.org.br 2019
Made with and by